quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

READING PSALMS (KING JAMES VERSION/ALMEIDA REVISTA E CORRIGIDA)


PSALM 73
A Psalm of Asaph.

1 TRULY God is good to Israel, even to such as are of a
clean heart.

2 But as for me, my feet were almost gone; my steps had
well nigh slipped.


3 For I was envious at the foolish, when I saw the
prosperity of the wicked.


4 For there are no bands in their death: but their strength is
firm.


5 They are not in trouble as other men; neither are they
plagued like other men.


6 Therefore pride compasseth them about as a chain;
violence covereth them as a garment.


7 Their eyes stand out with fatness: they have more than
heart could wish.


8 They are corrupt, and speak wickedly concerning
oppression: they speak loftily.


9 They set their mouth against the heavens, and their tongue
walketh through the earth.


10 Therefore his people return hither: and waters of a full
cup are wrung out to them.


11 And they say, How doth God know? and is there
knowledge in the most High?


12 Behold, these are the ungodly, who prosper in the
world; they increase in riches.


13 Verily I have cleansed my heart in vain, and washed my
hands in innocency.


14 For all the day long have I been plagued, and chastened
every morning.


15 If I say, I will speak thus; behold, I should offend
against the generation of thy children.


16 When I thought to know this, it was too painful for me;


17 Until I went into the sanctuary of God; then understood I
their end.


18 Surely thou didst set them in slippery places: thou
castedst them down into destruction.


19 How are they brought into desolation, as in a moment!
they are utterly consumed with terrors.


20 As a dream when one awaketh; so, O Lord, when thou
awakest, thou shalt despise their image.


21 Thus my heart was grieved, and I was pricked in my
reins.


22 So foolish was I, and ignorant: I was as a beast before
thee.


23 Nevertheless I am continually with thee: thou hast
holden me by my right hand.


24 Thou shalt guide me with thy counsel, and afterward
receive me to glory.


25 Whom have I in heaven but thee? and there is none
upon earth that I desire beside thee.


26 My flesh and my heart faileth: but God is the strength of
my heart, and my portion for ever.


27 For, lo, they that are far from thee shall perish: thou hast
destroyed all them that go a whoring from thee.


28 But it is good for me to draw near to God: I have put my
trust in the Lord GOD, that I may declare all thy works.


Salmos 73.1   Verdadeiramente, bom é Deus para com Israel, para com os limpos de coração.

73.2   Quanto a mim, os meus pés quase que se desviaram; pouco faltou para que escorregassem os meus passos.

73.3   Pois eu tinha inveja dos soberbos, ao ver a prosperidade dos ímpios.

73.4   Porque não há apertos na sua morte, mas firme está a sua força.

73.5   Não se acham em trabalhos como outra gente, nem são afligidos como outros homens.

73.6   Pelo que a soberba os cerca como um colar; vestem-se de violência como de um adorno.

73.7   Os olhos deles estão inchados de gordura; superabundam as imaginações do seu coração.

73.8   São corrompidos e tratam maliciosamente de opressão; falam arrogantemente.

73.9   Erguem a sua boca contra os céus, e a sua língua percorre a terra.

73.10   Pelo que o seu povo volta aqui, e águas de copo cheio se lhes espremem.

73.11   E dizem: Como o sabe Deus? Ou: Há conhecimento no Altíssimo?

73.12   Eis que estes são ímpios; e, todavia, estão sempre em segurança, e se lhes aumentam as riquezas.

73.13   Na verdade que em vão tenho purificado o meu coração e lavado as minhas mãos na inocência.

73.14   Pois todo o dia tenho sido afligido e castigado cada manhã.

73.15   Se eu dissesse: Também falarei assim; eis que ofenderia a geração de teus filhos.

73.16   Quando pensava em compreender isto, fiquei sobremodo perturbado;

73.17   até que entrei no santuário de Deus; então, entendi eu o fim deles.

73.18   Certamente, tu os puseste em lugares escorregadios; tu os lanças em destruição.

73.19   Como caem na desolação, quase num momento! Ficam totalmente consumidos de terrores.

73.20   Como faz com um sonho o que acorda, assim, ó Senhor, quando acordares, desprezarás a aparência deles.

73.21   Assim, o meu coração se azedou, e sinto picadas nos meus rins.

73.22   Assim, me embruteci e nada sabia; era como animal perante ti.

73.23   Todavia, estou de contínuo contigo; tu me seguraste pela mão direita.

73.24   Guiar-me-ás com o teu conselho e, depois, me receberás em glória.

73.25   A quem tenho eu no céu senão a ti? E na terra não há quem eu deseje além de ti.

73.26   A minha carne e o meu coração desfalecem; mas Deus é a fortaleza do meu coração e a minha porção para sempre.

73.27   Pois eis que os que se alongam de ti perecerão; tu tens destruído todos aqueles que, apostatando, se desviam de ti.

73.28   Mas, para mim, bom é aproximar-me de Deus; pus a minha confiança no SENHOR Deus, para anunciar todas as tuas obras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário