sábado, 10 de janeiro de 2015

READING PSALMS (KING JAMES VERSION/ALMEIDA REVISTA E CORRIGIDA)


PSALM 89
Maschil of Ethan the Ezrahite.

1 I WILL sing of the mercies of the LORD for ever: with my
mouth will I make known thy faithfulness to all
generations.

2 For I have said, Mercy shall be built up for ever: thy
faithfulness shalt thou establish in the very heavens.

3 I have made a covenant with my chosen, I have sworn
unto David my servant,

4 Thy seed will I establish for ever, and build up thy throne
to all generations. Selah.

5 And the heavens shall praise thy wonders, O LORD: thy
faithfulness also in the congregation of the saints.

6 For who in the heaven can be compared unto the LORD?
who among the sons of the mighty can be likened unto the
LORD?

7 God is greatly to be feared in the assembly of the saints,
and to be had in reverence of all them that are about him.

8 O LORD God of hosts, who is a strong LORD like unto
thee? or to thy faithfulness round about thee?

9 Thou rulest the raging of the sea: when the waves thereof
arise, thou stillest them.

10 Thou hast broken Rahab in pieces, as one that is slain;
thou hast scattered thine enemies with thy strong arm.

11 The heavens are thine, the earth also is thine: as for the
world and the fulness thereof, thou hast founded them.

12 The north and the south thou hast created them: Tabor
and Hermon shall rejoice in thy name.

13 Thou hast a mighty arm: strong is thy hand, and high is
thy right hand.

14 Justice and judgment are the habitation of thy throne:
mercy and truth shall go before thy face.

15 Blessed is the people that know the joyful sound: they
shall walk, O LORD, in the light of thy countenance.

16 In thy name shall they rejoice all the day: and in thy
righteousness shall they be exalted.

17 For thou art the glory of their strength: and in thy favour
our horn shall be exalted.

18 For the LORD is our defence; and the Holy One of Israel
is our king.

19 Then thou spakest in vision to thy holy one, 
and saidst, I
have laid help upon one that is mighty; I have exalted one
chosen out of the people.

20 I have found David my servant; with my holy oil have I
anointed him:

21 With whom my hand shall be established: mine arm also
shall strengthen him.

22 The enemy shall not exact upon him; nor the son of
wickedness afflict him.

23 And I will beat down his foes before his face, and plague
them that hate him.

24 But my faithfulness and my mercy shall be with him:
and in my name shall his horn be exalted.

25 I will set his hand also in the sea, and his right hand in
the rivers.

26 He shall cry unto me, Thou art my father, my God, and
the rock of my salvation.

27 Also I will make him my firstborn, higher than the kings
of the earth.

28 My mercy will I keep for him for evermore, and my
covenant shall stand fast with him.

29 His seed also will I make to endure for ever, and his
throne as the days of heaven.

30 If his children forsake my law, and walk not in my
judgments;

31 If they break my statutes, and keep not my
commandments;

32 Then will I visit their transgression with the rod, and
their iniquity with stripes.

33 Nevertheless my lovingkindness will I not utterly take
from him, nor suffer my faithfulness to fail.

34 My covenant will I not break, nor alter the thing that is
gone out of my lips.

35 Once have I sworn by my holiness that I will not lie unto
David.

36 His seed shall endure for ever, and his throne as the sun
before me.

37 It shall be established for ever as the moon, and as a
faithful witness in heaven. Selah.

38 But thou hast cast off and abhorred, thou hast been
wroth with thine anointed.

39 Thou hast made void the covenant of thy servant: thou
hast profaned his crown by casting it to the ground.

40 Thou hast broken down all his hedges; thou hast brought
his strong holds to ruin.

41 All that pass by the way spoil him: he is a reproach to
his neighbours.

42 Thou hast set up the right hand of his adversaries; thou
hast made all his enemies to rejoice.

43 Thou hast also turned the edge of his sword, and hast not
made him to stand in the battle.

44 Thou hast made his glory to cease, and cast his throne
down to the ground.

45 The days of his youth hast thou shortened: thou hast
covered him with shame. Selah.

46 How long, LORD? wilt thou hide thyself for ever? shall
thy wrath burn like fire?

47 Remember how short my time is: wherefore hast thou
made all men in vain?

48 What man is he that liveth, and shall not see death? shall
he deliver his soul from the hand of the grave? Selah.

49 Lord, where are thy former lovingkindnesses, which
thou swarest unto David in thy truth?

50 Remember, Lord, the reproach of thy servants; how I do
bear in my bosom the reproach of all the mighty people;

51 Wherewith thine enemies have reproached, O LORD;
wherewith they have reproached the footsteps of thine
anointed.

52 Blessed be the LORD for evermore. Amen, and Amen.

Salmos 89.1   As benignidades do SENHOR cantarei perpetuamente; com a minha boca manifestarei a tua fidelidade de geração em geração.

89.2   Pois disse eu: a tua benignidade será edificada para sempre; tu confirmarás a tua fidelidade até nos céus, dizendo:

89.3   Fiz um concerto com o meu escolhido; jurei ao meu servo Davi:

89.4   a tua descendência estabelecerei para sempre e edificarei o teu trono de geração em geração. (Selá)

89.5   E os céus louvarão as tuas maravilhas, ó SENHOR, e a tua fidelidade também na assembleia dos santos.

89.6   Pois quem no céu se pode igualar ao SENHOR? Quem é semelhante ao SENHOR entre os filhos dos poderosos?

89.7   Deus deve ser em extremo tremendo na assembleia dos santos e grandemente reverenciado por todos os que o cercam.

89.8   Ó SENHOR, Deus dos Exércitos, quem é forte como tu, SENHOR, com a tua fidelidade ao redor de ti?!

89.9   Tu dominas o ímpeto do mar; quando as suas ondas se levantam, tu as fazes aquietar.

89.10   Tu quebrantaste a Raabe como se fora ferida de morte; espalhaste os teus inimigos com o teu braço poderoso.

89.11   Teus são os céus e tua é a terra; o mundo e a sua plenitude, tu os fundaste.

89.12   O Norte e o Sul, tu os criaste; o Tabor e o Hermom regozijam-se em teu nome.

89.13   Tu tens um braço poderoso; forte é a tua mão, e elevada, a tua destra.

89.14   Justiça e juízo são a base do teu trono; misericórdia e verdade vão adiante do teu rosto.

89.15   Bem-aventurado o povo que conhece o som festivo; andará, ó SENHOR, na luz da tua face.

89.16   Em teu nome se alegrará todo o dia e na tua justiça se exaltará.

89.17   Pois tu és a glória da sua força; e pelo teu favor será exaltado o nosso poder.

89.18   Porque o SENHOR é a nossa defesa, e o Santo de Israel, o nosso Rei.

89.19   Então, em visão falaste do teu santo e disseste: Socorri um que é esforçado; exaltei a um eleito do povo.

89.20   Achei a Davi, meu servo; com o meu santo óleo o ungi;

89.21   com ele, a minha mão ficará firme, e o meu braço o fortalecerá.

89.22   O inimigo não o importunará, nem o filho da perversidade o afligirá.

89.23   E eu derribarei os seus inimigos perante a sua face e ferirei os que o aborrecem.

89.24   E a minha fidelidade e a minha benignidade estarão com ele; e em meu nome será exaltado o seu poder.

89.25   E porei a sua mão no mar e a sua direita, nos rios.

89.26   Ele me invocará, dizendo: Tu és meu pai, meu Deus, e a rocha da minha salvação.

89.27   Também por isso lhe darei o lugar de primogênito; fá-lo-ei mais elevado do que os reis da terra.

89.28   A minha benignidade lhe guardarei para sempre, e o meu concerto lhe será firme.

89.29   E conservarei para sempre a sua descendência; e, o seu trono, como os dias do céu.

89.30   Se os seus filhos deixarem a minha lei e não andarem nos meus juízos,

 89.31   se profanarem os meus preceitos e não guardarem os meus mandamentos,

89.32   então, visitarei com vara a sua transgressão, e a sua iniquidade, com açoites.

89.33   Mas não retirarei totalmente dele a minha benignidade, nem faltarei à minha fidelidade.

89.34   Não quebrarei o meu concerto, não alterarei o que saiu dos meus lábios.

89.35   Uma vez jurei por minha santidade (não mentirei a Davi).

89.36   A sua descendência durará para sempre, e o seu trono será como o sol perante mim;

89.37   será estabelecido para sempre como a lua; e a testemunha no céu é fiel. (Selá)

89.38   Mas tu rejeitaste e aborreceste; tu te indignaste contra o teu ungido.

89.39   Abominaste o concerto do teu servo; profanaste a sua coroa, lançando-a por terra.

89.40   Derribaste todos os seus muros; arruinaste as suas fortificações.

89.41   Todos os que passam pelo caminho o despojam; tornou-se ele o opróbrio dos seus vizinhos.

89.42   Exaltaste a destra dos seus adversários; fizeste com que todos os seus inimigos se regozijassem.

89.43   Também embotaste o fio da sua espada e não o sustentaste na peleja.

89.44   Fizeste cessar o seu esplendor e deitaste por terra o seu trono.

89.45   Abreviaste os dias da sua mocidade; cobriste-o de vergonha. (Selá)

89.46   Até quando, SENHOR? Esconder-te-ás para sempre? Arderá a tua ira como fogo?

89.47   Lembra-te de quão breves são os meus dias; por que criarias debalde todos os filhos dos homens?

89.48   Que homem há, que viva e não veja a morte? Ou que livre a sua alma do poder do mundo invisível? (Selá)

89.49   Senhor, onde estão as tuas antigas benignidades, que juraste a Davi pela tua verdade?

89.50   Lembra-te, Senhor, do opróbrio dos teus servos; e de como trago no meu peito o escárnio de todos os povos poderosos,

89.51   com o qual, SENHOR, os teus inimigos têm difamado, com o qual têm difamado as pisadas do teu ungido.

89.52   Bendito seja o SENHOR para sempre! Amém e amém!

Nenhum comentário:

Postar um comentário