quarta-feira, 27 de maio de 2015

UMA REGRA SEM EXCEÇÕES: S. D. GORDON (1859-1936)



 E aconteceu que, indo eles pelo caminho, lhe disse um: 
Senhor, seguir-te-ei para onde quer que fores. 
E disse-lhe Jesus: As raposas têm covis, e as aves do céu, ninhos, 
mas o Filho do Homem não tem onde reclinar a cabeça. 
E disse a outro: Segue-me. 
Mas ele respondeu: Senhor, deixa que primeiro eu vá enterrar meu pai. Mas Jesus lhe observou: Deixa aos mortos o enterrar os seus mortos; porém tu, vai e anuncia o Reino de Deus. 
Disse também outro: Senhor, eu te seguirei, mas deixa-me despedir primeiro dos que estão em minha casa. 
E Jesus lhe disse: Ninguém que lança mão do arado e olha para trás é apto para o Reino de Deus.Lucas 9:57-62


A estrada do “Siga-Me” tem alguns lugares rudes. O pecado tornou a estrada rude para os pés de Jesus, e a torna difícil para todos que O seguem. Apesar de nunca ser tão rude agora desde que os Seus pés cravados a tem pisado. Ainda assim, completamente duro o bastante.  A regra da estrada é simples, mas radical e nunca será mudada: “Ponha Jesus em primeiro.” Então o toque de Sua presença fará você esquecer a rudeza da estrada, até mesmo quando os seus pés senti-la.

THE BENT-KNEE TIME.
S. D. GORDON (1859-1936)
AMERICAN SUNDAY-SCHOOL UNION. PHILADELPHIA, USA, 1918, p. 56.

Nenhum comentário:

Postar um comentário