sexta-feira, 27 de novembro de 2015

ARREPENDIMENTO




ARREPENDIMENTO
Salmo 38:18

Um jovem falava com o grande evangelista Moody, sobre o arrependimento. 

– Isso nunca me fulminou – disse o moço. 

– Que quer o senhor dizer?, perguntou Moody.

– Ora – respondeu o jovem – a alguns ele fulmina e a outros não. Tenho visto muitos se arrependerem e se colocarem ao lado de Cristo, mas eu mesmo nunca me senti fulminado. 

Aquele moço tinha a ideia errada de que o arrependimento fosse coisa que fulminasse, como o raio. Isso, naturalmente, não é verdade. O arrependimento não é uma emoção. É uma profunda convicção de se haver cometido um mal. Leva a pessoa a volver-se para Deus, a fim de ser purificada do mal. – Meditações Matinais

 http://www.iasdemfoco.net/ilustracoes/

Nenhum comentário:

Postar um comentário