sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Um belo sentimento de uma menina cristã japonesa



        Em uma reunião de oração de meninas uma delas perguntou: – Como podemos glorificar a Deus? – Outra respondeu-lhe: – Vou dizer o que penso: Mamãe esta primavera comprou umas sementes insignificantes, e as semeou; logo depois cresceram e deram lindas flores. Neste tempo uma vizinha fez-nos uma visita e admirando-se da beleza das flores, pediu a mamãe algumas sementes para plantá-las.

     Provavelmente se ela tivesse visto só as sementes não havia de querer possuí-las, mas como viu as flores teve grande desejo de cultivá-las. O mesmo dá-se com o ensino de Jesus.

    Falando-se das verdades ensinadas nas Escrituras ninguém quer aceitá-las, mas logo que vem essas verdades brotar em nossas vidas pelas nossas palavras mansas e atos bons, dizem: Que lindas vidas! Que é o que as faz tão diferentes das nossas? E sabendo que é o santo ensino de Jesus, querem também aprender desse ensino. Assim é que as nossas vidas pregam o Evangelho mais do que nossas línguas.

(Do Missionário Juvenil)


A NOSSA GENTE PEQUENA. ANO I, Nº 06, 
JUIZ DE FORA-MG, 15 DE MARÇO DE 1886.

Nenhum comentário:

Postar um comentário