terça-feira, 8 de setembro de 2015

O FARDO DE JESUS




Vinde a Mim todos os que andais em trabalho e Eu vos aliviarei. Tende sobre vós o meu jugo, e aprendei de Mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para as vossas almas, POIS MEU JUGO É SUAVE, E O MEU FARDO É LEVE. MATEUS 11:28-30

    O fardo que o Senhor Jesus nos apresenta ou nos convida a carregar, nós os crentes compreendemos perfeitamente que são os Seus ensinos, os Seus mandamentos e os Seus exemplos, em todos os pontos de vista.

      Jesus não errou nem mentiu quando pronunciou estas palavras: POIS O MEU JUGO É SUAVE E O MEU FARDO É LEVE.
À vista dos incrédulos e do mundo, os ensinos e o seguir as ordens do Mestre – é fazer um sacrifício, um esforço horrendo: e mesmo pensam ser impossível carregar este fardo apresentado por nosso Senhor Jesus Cristo.

      Estudando eu, meditando um pouco esta ideia dos incrédulos dizem que é péssimo. Jesus diz que é suave e os incrédulos dizem que é até impossível suportá-lo. Os incrédulos tem também o seu fardo. Este, sim, é verdadeiramente mui pesado, não só para o seu físico, mas também para a sua vida material e espiritual. Com este fardo vão se amofinando dia após dia, perdendo por fim o seu corpo, e o que é mais precioso: a sua alma.

       Este fardo é o de Satanás, onde está acumulado toda a espécie de vícios e de pecados.

       Eis o verdadeiro fardo pesado.

      Tomemos então com mais avidez o fardo do nosso Mestre Jesus e o carreguemos com alegria e assim concretizaremos a sua SUAVIDADE.
Um esforçador.

JORNAL A PENNA EVANGELICA.
ANO X, Nº 370, Cuiabá-MT, 22 de Dezembro de1934, p. 2.

Nenhum comentário:

Postar um comentário